terça-feira, 24 de agosto de 2010

VIDA


Aos meus queridos que me seguem, aos amigos que me visitam mesmo que de vez enquando, aqueles que por curiosidade sempre vem da uma "espiadinha", e aqueles que sempre marcam presença. Peço desculpas pelos longos textos nos ultimos dias e principalmente, peço desculpas por demorar a postar. Nao tenho andado muito bem nesses ultimos meses, mas acredito que daqui para frente estarei melhorando um "cadinho" a cada dia. Mesmo que morte tenha me convida para tomar um drink, a vida me deu uma nova chance e sei tambem que DEUS jamais desistiu de mim!!!!
É claro que a vida nos reserva surpresas boas e tambem desagradaveis! Mas nao a culpo por esse "momento" desagravel em que estou vivendo hoje. Entao é criar forças, busca-la nao sei onde e ter que agarra-la aqui dentro de mim para continuar seguindo em frente...


...Perdi alguma coisa que me era essencial, e que já não me é mais. Não me é necessária, assim como se eu tivesse perdido uma terceira perna que até então me impossibilitava de andar mas que fazia de mim um tripé estável. Essa terceira perna eu perdi.E voltei a ser uma pessoa que nunca fui. Voltei a ter o que nunca tive: apenas as duas pernas. Sei que somente com as duas pernas é que posso caminhar.Mas a ausência inútil da terceira me faz falta e me assusta, era ela que fazia de mim uma coisa encontável por mim mesma, e sem sequer precisar me procurar...
Clarice Lispector

5 comentários:

Simone Moura e Mendes disse...

Seja lá de que forma a morte tenha pretendido lhe arrebatar,a vida venceu a luta. Certamente, você ressurgiu mais madura e mais forte para ama-la com maior intensidade. Gostei de visitar esse seu espaço de desabafo. Convido-a a visitar o meu (www.simonemouramendes.com), um recanto para osmeus delírios poéticos. Saudações
Simone

Lara disse...

Isso é verdade! 1x0 pra vida...rsrsrs, hoje posso dizer que ressurgi e quero muito viver vida com muita intensidade. brigada pela visita e irei sim vistar-te.

Anônimo disse...

owwwn *--* Ton Munitxinhaaa . ((:
Essa é minha tiaa !!

Lara disse...

ainda tens duvidas? por ti e para ti sempre será o meu amor, meu eterno "docinho".

Antonio José Rodrigues disse...

Já visitei, Lara, a tênue linha divisória entre a vida e a morte. Voltei mais humano. Às vezes, precisamos "morrer" para aprendermos a viver.

Beijos piauienses

Antonio José, seu seguidor